GlobeNet inaugura novo Ponto de Troca de Tráfego (PTT) em Fortaleza, Brasil

A nova infraestrutura é capaz de trocar tráfego localmente, aproveitando nossa conectividade de alta largura de banda e baixa latência.

A GlobeNet anuncia hoje que seu novo ponto de interconexão central no Ponto de Troca de Internet de Fortaleza (IXP) está aberto para negócios. Como resultado, as operadoras de rede e provedores de serviços de Internet (ISPs) em todo o Nordeste do Brasil poderão trocar tráfego localmente, aproveitando a conectividade de alta largura de banda e baixa latência que a infra-estrutura da GlobeNet oferece.
A penetração da Internet no Brasil está crescendo constantemente. Em 2016, apenas 55,65 por cento da população brasileira podia acessar a Internet, de acordo com a Statista, provedora líder de dados de mercado e consumidor. Até 2022, 61,89 por cento dos brasileiros acessarão, baixarão e compartilharão conteúdo on-line. No momento, o país já é o quarto maior mercado on-line do mundo, atrás da China, Índia e dos Estados Unidos.
Em resposta à maior demanda do crescente número de ISPs do Brasil, a GlobeNet anunciou uma parceria com o Núcleo de Informação e Coordenação brasileiro (NIC.br) a fim de estabelecer um novo ponto de interconexão central em dezembro de 2017. Com a instalação agora concluída, a nova infraestrutura está pronta para ser o segundo ponto de interconexão mais importante do Brasil, depois do IXP de São Paulo, mais ao sul.
“Na GlobeNet, estamos empolgados em contribuir com a economia digital em expansão”, declarou Eduardo Falzoni, CEO da GlobeNet. “O novo IXP em Fortaleza é essencial para garantir a resiliência da infraestrutura de Internet do país. Para as operadoras de rede, ISPs e outras empresas, significa maior banda-larga e conexões de latência ultrabaixas, tudo apoiado por nossa sólida infraestrutura de central de dados e sistema de cabos submarinos de fibra óptica confiável. Além de atendermos a demanda atual por melhor conectividade, também estamos preparando as redes do nordeste do Brasil para o futuro, visando a uma maior penetração da Internet.”
Para as operadoras de rede que buscam se conectar com o IXP em Fortaleza, a NIC.br também está usando o local para implementar sua primeira infraestrutura de serviço completo fora de São Paulo. Em suma, a cidade agora servirá como um hub para todas as operações da NIC.br no nordeste do Brasil – um grande avanço para o país de maior PIB da América Latina.
O lançamento oficial do IXP de Fortaleza surge logo algumas semanas depois de a GlobeNet ter anunciado o Facebook como coproprietário de seu novo cabo submarino “Malbec” para a Argentina – o primeiro cabo novo para esse país desde 2001. Com investimentos de infraestrutura sendo feitos na terra e debaixo da água, a GlobeNet continua a cimentar sua reputação como principal parceira de telecomunicações para transportadoras, prestadoras de serviço, provedoras de serviços em nuvem e empresa em todas as Américas.